Contadores, fiquem atentos ao Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – Caged, porque deverão ser repassadas as informações sobre a contratação de funcionários trabalho intermitente e teletrabalho, modalidades criadas pela Reforma Trabalhista, que entrou em vigor em novembro.

Na última sexta-feira (1º), o governo lançou o novo layout do sistema, no qual incluiu também a possibilidade de informar sobre trabalho em tempo parcial, que sofreu alterações na reforma, e desligamento por acordo entre empregado e empregador.

Detalhes das alterações e o novo formulário eletrônico estão disponíveis no portal do Caged.

O Caged

Vale lembrar que o Caged registra os processos de admissão e de dispensa de trabalhadores regidos pela Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). A partir dessas informações, é possível acompanhar e fiscalizar o mercado de trabalho. Ele é utilizado, por exemplo, pelo Programa do Seguro-Desemprego para conferência de dados referentes aos vínculos trabalhistas, além de outros programas sociais.

O Caged deve ser enviado mensalmente ao Ministério do Trabalho e Previdência Social até o sétimo dia do mês subsequente ao mês de referência das informações ou até a data de admissão. Sempre que a empresa realizar uma dessas ações, deverá enviar as novas informações ao ministério, via internet.

Fonte: Sindicato dos Contabilistas de São Paulo

http://www.sindcontsp.org.br/menu/noticias-sobre-o-sindcont-sp/id/54556076/

Terceiro Setor

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here